Adenilson fala sobre denúncia contra Comtur e situação precária do Dante de Oliveira
05 de Dezembro de 2017 - Fonte:Assessoria Foto: Thiago Silva
Compartilhar
  • O vereador Adenilson Rocha (PSDB) usou o pequeno expediente da 41ª Sessão da Câmara de Vereadores desta segunda-feira (04), para falar sobre a denúncia recebida referente ao COMTUR Sinop (Conselho Municipal de Turismo), onde segundo informações, um veículo foi adquirido para uma outra pasta do município de forma irregular.

     

    “Estamos com o requerimento solicitando informações para esclarecer a sociedade, pois recebemos a denúncia e vamos averiguar o que está acontecendo. Recebemos a informação que foi destituído o Comtur, ou seja, há indícios de irregularidade, o que queremos é que seja apresentados os documentos mostrando que está tudo certo. Precisa ser respondido, pois se tem erros, tem que ser corrigidos”, disse Adenilson.

     

    Além da denúncia, Adenilson mostrou imagens que mostram a forma como o Centro de Eventos Dante de Oliveira está atualmente. Nas fotos feitas na tarde desta segunda (04) aparecem situações que precisam de reparos urgentes como fios de energia soltos, falta de janelas, valetas sem tampas, entre outros reparos.

     

    “Existe o Fundo de Turismo que estabelece que o valor arrecadado com alugueis do espaço, deve ser usado para reparos no prédio. Mas as imagens mostram que existem falhas, pois nem a jardinagem está sendo feita”, finaliza o vereador.

     

    Criado pela Lei Municipal 1310/2010, o COMTUR é composto por representantes do Poder Executivo, do segmento turístico, da área de artesanato, por entidades de classe e comunidade em geral. O conselho tem funções consultivas e de assessoramento e que tem a finalidade de opinar, sugerir, indicar e propor medidas que objetivem o incremento e o desenvolvimento da atividade turística em Sinop.

     

    O Comtur empossado em Julho deste ano seguia a seguinte composição: (presidente) Juliana Centena, (vice-presidente) Iara Knabben, (representantes do Poder Executivo) Leidiane Viegas, Viviane Dendena, Daniel Coutinho, (representantes do segmento turístico) Juliana Centena, Marcelo Kreibich, (representante da área de artesanato) Nair Schneirder, Anderson Maciel, (representantes de entidades de classe) Márcia Cordeiro e Mauro Dall'Agnol, (representantes da comunidade em geral) Adriane Behling e Anderson dos Santos.