Cláudia recebe 7° etapa do campeonato estadual de Moto Cross
15 de Outubro de 2018 - Fonte:Assessoria
Compartilhar
  • Neste fim de semana Cláudia foi a Capital do Moto Cross no estado. A semifinal do Circuito Mato-grossense de Motociclismo da Limmt – Liga Independente de Motociclismo do Estado de Mato Grosso e contou com pilotos de cidades como Sinop, Alta Floresta, Sorriso, Lucas do Rio Verde entre outras cidades do Nortão.

     

    Esta foi a 7ª Etapa do evento que acontece em todo o Estado de Mato Grosso, e que teve neste fim de semana a cidade de Claudia como sede e mostrou que tem potencial para sediar grandes eventos.

     

    Para a realização do evento, a organização contou com o apoio da prefeitura por meio das secretarias de obras que ajudou com a criação da pista, a secretaria de saúde que disponibilizou uma equipe dentro da área do circuito caso ocorresse algum acidente. Contou também com a parceria da Câmara Municipal e do comércio.

     

    “Esse evento é muito importante para a Claudia. Mostra que temos condições para sediar eventos de grande porte, que a cidade está preparada para crescer ainda mais, é terra de gente hospitaleira, e que vamos continuar crescendo e melhorando a cada dia”, ressaltou o prefeito Altamir Kurten.

     

    Esta etapa trouxe moradores de diversos municípios para prestigiar o espetáculo, assim como os familiares dos pilotos e patrocinadores.

     

    Kurten também participou da entrega das premiações para o primeiro lugar de cada categoria e os patrocinadores e representantes premiaram ou outros quatro colocados.

     

    Também competidor e ganhador de troféus o secretário de esporte de Cláudia Emerson Perondi levou a medalha de 1° lugar na Etapa Intermediaria.

     

    “É uma emoção muito grande ficar em primeiro lugar, toda a minha família veio para o evento e não estaria aqui sem eles, é muito difícil quando você está lá e olha para trás e vê todos os pilotos lutando para chegar em boas posições, porem eu consegui e agradeço” relata emocionado.

     

    Entre os participantes da corrida, haviam também mulheres e crianças disputando uma vaga para a final que acontecerá na cidade de Santa Carmen nos dias 03 e 04 de novembro. A última fase contara com premiações em dinheiro e também serão 8 motos para os vencedores de cada categoria.

     

    Pilotando e competindo no Moto Cross a cerca de 5 anos Vanessa Cristine, disse que é sim um desafio para a mulher e que dá um grande frio na barriga na hora da competição, mas garante que vale a pena.

     

     “É emocionante saber que as pessoas torcem por nós. Quando eu sai na largada eu estava em 3º e permaneci até metade da prova, porem sofri uma queda em uma das curvas e terminei em 5º, mas estou orgulhosa e vamos agora para a final no mês que vem”, contou a piloto.

     

    Nas provas teve também piloto caindo nas curvas, fazendo manobras, perdendo carenagem, abandonando a prova e outros também com pneu furado e não pode terminar a prova.

     

    Durante o espetáculo, sempre há muita disputa entre os pilotos e muita emoção dos familiares fora do circuito. A sinalização durante todo o evento também foi de se elogiar, todos os bandeirinhas fizeram um excelente trabalho ao sinalizar quando haviam quedas de pilotos.