Morador implora socorro a justiça por causa de fogo no lixão da Adalgisa
30 de Agosto de 2018 - Fonte:Marcos Silva
Compartilhar
  • Um problema que existe em Sinop a anos e que as autoridades não conseguem resolver, levou um morador ao desespero. Em um vídeo postado em uma rede social (Facebook) na tarde desta quinta-feira (30) o morador implora por socorro devido a fumaça que toma conta das casas que ficam próximas ao ‘Lixão da Adalgisa’, local onde seria para despejar restos de construções, mas todo tipo de lixo é levado para o local e de alguma forma é incendiado.

     

    Moradores já protestaram trancando a estrada que dá acesso ao lixão, mas nada foi resolvido. Apenas promessas não cumpridas.

     

    O lixão é utilizado em caráter temporário, para o depósito de resíduos da construção civil, jardinagem e lixo comercial. A permissão veio através da decisão do juiz da 6ª Vara Cível, Mirko Vicenzo Gianotte em 2016. O magistrado determinou a utilização do local até a decisão da Sema (Secretaria Estadual de Meio Ambiente), que analisa o pedido de licenças prévia e de instalação para a atividade de transbordo para resíduos da construção civil no município.

     

    Várias denuncias já foram feitas, mas uma entidade ‘joga’ a responsabilidade para outra, e o problema aumenta a cada ano. A Secretaria Municipal de Meio Ambiente diz que “os resíduos de construção é de responsabilidade dos empresários e não da prefeitura”.

     

    Segundo então diretor da Sema, Sandro Depiné (exonerado) a secretaria  já notificou, multou e embargou o local, mas a decisão de reabrir foi dada pelo magistrado.

     

    Enquanto a situação não se resolve, os moradores sofrem com este crime ambiental que está sendo “empurrado com a barriga”.

     

    Veja o desabafo do morador:

     

    https://www.facebook.com/ivan.scherer.58/videos/903849263144638/