Policiais penais evitam entrada de celulares e drogas por meio de drones 09/03/2021 Fonte: Assessoria

Policiais penais da Penitenciária da Mata Grande, em Rondonópolis (215 km ao Sul), evitaram a entrada de seis celulares, carregadores, fones de ouvido, além de porções de substâncias análogas a maconha e cocaína na unidade neste fim de semana. Foram duas ocorrências no sábado (06.03) e domingo (07.03) de tentativa de ingressar com material ilícito por meio de drones.

 

Conforme as informações repassadas pela direção da unidade, no sábado por volta das 15 horas, os policiais penais da equipe Bravo realizavam rondas no perímetro externo da penitenciária e cerca de 2 km encontraram uma caixa de aparelho de drone em meio a um matagal, próximo uma estrada vicinal.

 

Eles avistaram uma linha sobre o matagal e seguindo-a encontraram um drone preso a uma árvore cerca de 20 metros de altura. Os policiais conseguiram recuperar o equipamento, e seguindo a linha acerca de 800 metros do local do drone, foi encontrado um pacote preso à outra árvore também a uma altura bastante elevada, na qual estavam celulares, drogas, papeis de seda para enrolar fumo, dentre outros materiais ilícitos.

 

Já no domingo, por volta das 15h30, um policial penal avistou um drone sobrevoando a unidade e avisou a equipe via rádio. Após ronda no entorno da unidade, encontraram dois drones. O primeiro próximo a um campo e o segundo caído com quatro celulares amarrados no equipamento com linha de pesca.

 

Os materiais apreendidos foram encaminhados para o Núcleo de Inteligência da unidade e os drones ao Gerente Penal do cartório.

COMPARTILHAR COM