Professora de educação física grava vídeos com dicas de saúde para motivar estudantes 23/03/2021 Fonte: Assessoria

A professora Josivânia Késia da Silva utiliza vídeos, gravados no celular, para as aulas online de educação física. Cada vídeo aborda um assunto e motiva estudantes que não querem perder as aulas. Uma ação simples que rende elogios e também prende a atenção dos alunos. A professora leciona na Escola Estadual Tarsila do Amaral, na cidade de Colniza (1.060 km a noroeste da Capital).

 

Josivânia explica que é uma maneira diferente de chamar a atenção dos estudantes e, com isso, consegue despertar o interesse até dos pais.

 

Entre os temas abordados estão atividades físicas e alimentação saudável. Para falar dos exercícios, a professora grava uma aula prática como se tivesse numa academia.

 

Para abordar alimentação saudável, a gravação foi num supermercado mostrando cada item. As gravações externas deixaram as aulas com aspectos mais dinâmicos e sem custo adicional.

 

 “Como professora de educação física eu senti a necessidade de apresentar para os alunos a importância da atividade física. Às vezes, um simples alongamento que você tem o hábito de fazer na sua rotina diária, muda muito a qualidade de vida. E a alimentação hoje, principalmente das crianças, não é a mais correta. Muita ingestão de gorduras, doces, refrigerante. Então, quis mostrar para eles como fazer a coisa correta e sem gastar mais”, assinala.

 

Os vídeos são compartilhados no WhatsApp e o retorno é imediato.

 

O resultado não poderia ser melhor. O retorno tanto dos alunos, quanto pais são imediato. “Isso é importante porque motiva ainda mais nós, professores, a alcançarmos nossos objetivos. A educação vai muito além de uma aula presencial. Podemos fazer com que o aluno descubra uma nova maneira de aprender”, frisa.

 

A coordenadora pedagógica Nelba Neida Corrêa Andrade destaca que a professora busca inovar, oferecendo aos alunos aulas mais dinâmicas e que incentivam a participação.

 

Explica que os outros professores também têm se esforçado para fazer aulas diferenciadas para os alunos para esse novo sistema

COMPARTILHAR COM